Protege compra caminhão blindado de 18 metros

transporte-valores-3-848x478A brasileira Protege concentrou o seu investimento na aquisição do caminhão blindado Titanis, equipado com cavalo mecânico da MAN modelo 25.420 8×2 e com semirreboque tipo furgão de três eixos. O terceiro eixo na tração e um segundo eixo direcional tem a função de distribuir melhor a carga. O veículo conta com transmissão automatizada e capacidade para o transporte de carga de até 28 mil quilos.

Segundo Mario Baptista de Oliveira, diretor-geral do Grupo Protege, o cavalo mecânico e o semirreboque possuem blindagem que atende o nível mais alto de homologação estipuladas pelas autoridades brasileiras. O valor da apólice do seguro total da carga transportada é também um dos mais altos do mercado, garantindo economia na hora de contratação do frete e maior segurança para os clientes. “Trata-se de uma solução completa para o cliente ao eliminar a contratação fracionada de seguro, gerenciamento de risco e logístico, escolta e a divisão do frete em várias viagens”, explica o diretor.

Para essa carreta blindada, a MAN desenvolveu um chassi especial de 18,6 metros de comprimento, o maior da categoria no Brasil. Com este caminhão a Protege cobrirá a demanda de transporte de produto de alto valor agregado em grande escola, como eletrônicos (notebook, celulares, circuitos integrados), medicamentos, cartões, documentos sigilosos e formulários de cheque em branco.

Além da capacidade de transportar 28 Paletes Padrão Brasil (PRB), comparados com 14 paletes do modelo Troodon, para trajetos de médias e longas distâncias, o caminhão Titanis foi projetado para melhor dirigibilidade e manobra facilitada para carga e descarga em portos, aeroportos e centros de distribuição.

O caminhão Titanis já está em operação na cidade de Campinas (SP), fazendo o trajeto do aeroporto de Viracopos até a fábrica e o centro de distribuição de uma indústria.

Os dois principais segmentos de atuação da Protege é o eletrônico e o farmacêutico, mas a empresa registra aumento da demanda pelos produtos alimentícios. “A própria indústria vem buscando soluções para reduzir o alto índice de roubo”, afirma Oliveira.

Em 2016 o crescimento da Protege superou as expectativas da empresa, com avanço médio de 60% ao ano. Para 2017, a estimativa do diretor é de manter o mesmo índice de crescimento.

A Protege mantém em sua frota 1.800 veículos. Deste total, 1.100 são carros fortes, 25 são caminhões grandes e o restante são carros de apoio. O Serviço de Carga Segura opera com quatro modelos diferentes de caminhões. Além do Titanis, tem o Troodon, de 6,3 metros de comprimento e capacidade para 15 mil quilos de carga, o T-Rex, de 5,4 metros de comprimento para 9 mil quilos de carga, e o Rhino Pharma (para medicamentos) de 2,5 metros de comprimento e capacidade para 2,1 mil quilos de carga, prestando serviço nos estados de São Paulo, Rio de Janeiro, Minas Gerais, Paraná, Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Rondônia, Goiás e Brasília.

O Grupo Protege emprega cerca de 18 mil funcionários no Brasil.

fonte: Transporte Moderno

https://transportemodernoonline.com.br/2017/06/22/protege-compra-caminhao-blindado-de-18-metros/?lipi=urn%3Ali%3Apage%3Ad_flagship3_feed%3BYueauREWR3SHUi6vkIzMeg%3D%3D

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *