Além de saquear cargas, ladrões criam ‘robauto’ de peças em São Gonçalo

Houve aumento no número do roubo de cargas

Por Marcela Freitas

Os presos e os carros apreendidos pelos policiais militares
Os presos e os carros apreendidos pelos policiais militares

Policiais da 72ª DP (Mutuá) estão investigando uma nova modalidade criminosa cometida por ladrões de cargas da cidade: o desmanche e venda de peças dos veículos levados durante o roubo. Apenas ontem, dois veículos, encontrados na Rua Flávio Monteiro de Barros, no Portão do Rosa, e na Estrada da Conceição, no Mutuá, estavam sendo ‘depenados’.

Segundo os moradores, desde a última quinta-feira, um caminhão-baú, deixado no Portão do Rosa, vem sendo depredados por alguns homens. Do veículo, além da carga, foram retirados o motor, rodas, pneus além das placas. Apenas uma camisa, encontrada dentro do caminhão, dá indicativos que se trata da carga de uma empresa de colchões. A polícia está levantando o chassi do veículo para saber a empresa proprietária.

Já na Estrada da Conceição, na esquina com Olinto Moreira, um Sprinter com placa de Recife, capital de Pernambuco, vem sendo ‘depenado’ desde o dia 24 de agosto, quando foi roubado, na altura do Km 309, na BR- 101, na altura do Mutuá.

O motorista do veículo contou que três homens, em um Corolla, fizeram a abordagem e levaram o carro, que estava carregado de peças para plataformas da Petrobras. Segundo a vítima, os homens teriam manifestado maior interesse pelo automóvel. Do veiculo, foi retirado toda a parte do motor.

Investigadores da 72ª DP já informaram às Polícias Militar e Rodoviária Federal sobre o encontro de veículos, e agora estão apurando o ‘desmanche’ dos automóveis levados nos roubos de carga.

Recordando – O aumento no número de roubos de cargas em São Gonçalo chama a atenção. Entre janeiro e julho deste ano, foram registrados 750 casos, contra 391 no mesmo período do ano passado, ou seja, um aumento de mais de 90%, segundo o Instituto de Segurança Pública (ISP).

Somente na manhã do último sábado, quatro veículos de cargas foram roubados na área da 72ª DP (Mutuá), num intervalo de apenas duas horas e meia (das 7h30 às 10h). Em escala crescente, a delegacia registrou 168 casos nos primeiros sete meses de 2016, e 351 no mesmo período de 2017. Ou seja, um aumento de mais de 100%.

Acusados de receptação são presos na cidade

Acusados de receptação de carros e cargas roubadas, dois homens, de 21 e 29 anos, foram presos por policiais do Patrulhamento Tático Móvel (Patamo) do 7ºBPM (São Gonçalo), na tarde de domingo, em Nova Cidade, São Gonçalo.

De acordo com a polícia, um dos suspeitos foi localizado na Rua Vicente Lima Cleto, dirigindo um HB20 preto em alta velocidade. Ao receber ordem de parada, o suspeito tentou fugir, sendo alcançado pouco depois, na Rua Cunha Júnior.

Ao verificar a documentação do automóvel, a PM constatou que o Chassi estava alterado e que o original apresentava uma reclamação de roubo na área da 73ªDP (Neves). Aos policiais, o condutor afirmou não ser o dono do carro e confessou que tinha outro automóvel, em sua casa, que era da mesma pessoa.

Na residência, os PMs encontraram o segundo carro, na garagem, que estava com placa e chassi adulterados. Ao conseguir a numeração correta, os militares descobriram que o Logan branco também se tratava de um veículo roubado, desta vez da área da 81ªDP (Itaipu).

No interior da casa, os agentes encontraram o segundo suspeito dormindo. Ele foi acordado e ainda apontou alguns materiais roubados que também estavam sendo escondidos na casa. Ao todo, foram recuperados acessórios de informática, de higiene e um bloqueador de GPS.

Os homens confessaram que apenas guardavam o material roubado, não participando dos crimes. Eles foram levados para a 73ªDP, onde acabaram autuados por receptação.

Fonte; O são Gonçalo

http://www.osaogoncalo.com.br/policia/27483/alem-de-saquear-cargas-ladroes-criam-robauto-de-pecas-em-sao-goncalo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *